terça-feira, 5 de abril de 2011

Mayara

Morena és tu,
Sorriso sapeca de cachetas rosadas
Mais belo que o alvorecer.
Une a delicadeza das onze horas
Com o polido do mais belo diamante.

Ai se pudera, concomitante!
Das tuas mãos, às rosas
Amanhecer...
Levantar com tuas cantaroladas,
Beijar-te-ei logo... dejà vu.

(Allan Sousa)

Um comentário: